Ao menos 20 municípios do CE têm atos de mulheres contra Bolsonaro marcados para sábado (29)

Uma das organizadoras do grupo cearense afirma ter sido vítima de violência por estar à frente da manifestação