Justiça Eleitoral e especialistas reafirmam segurança das urnas

Questionado na campanha, o sistema de votação brasileiro, que completa 22 anos em 2018, é confiável e "perfeitamente auditável", afirmam o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e especialistas em Tecnologia da Informação