Temer: 'temos até julho para decidir'