Texto da reforma deve ser aproveitado em 2019, diz secretário da Previdência

Marcelo Caetano diz que se o novo governo decidir propor um novo texto, o processo pode demorar pelo menos mais seis meses