Funcionário da Câmara nega ter soltado roedores em CPI

Por determinação do presidente da Câmara, Márcio Martins Oliveira foi exonerado de suas funções