Em troca de votos na Previdência, Planalto estuda devolver cargos a infiéis

O governo quer renegociar os postos e oferecer esses espaços de volta aos deputados que se comprometerem a votar a favor da reforma da Previdência