Eduardo Suplicy defende aprovação do projeto que criminaliza a homofobia