Centrão discute apoio em 2º turno sem Alckmin, mas unidade é improvável

Integrantes do grupo começam a discutir internamente que caminho seguir em um eventual segundo turno entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad