Bolsonaro sanciona lei que permite falta escolar por motivo religioso

A lei beneficia todas as crenças religiosas; o texto estabelece que para garantir o direito é necessário que o aluno avise a escola previamente