Bolsonaro promete "medidas eficientes" para a Segurança e rebate críticas a decreto

De acordo com ele, a flexibilização para a posse de armas no Brasil tem como propósito principal "iniciar o processo de assegurar o direito inviolável à legítima defesa”.