Agência é condenada a pagar R$ 32 mil a família que viajou para esquiar, mas não achou neve

O pacote de viagem apresentava instruções detalhadas para a prática do esporte; a empresa ainda pode recorrer de decisão