Quase um ano após reforma, ações trabalhistas caem 17%, diz TST

Entre janeiro e setembro deste ano, as Varas receberam cerca de 1,6 milhão de reclamações, contra pouco mais de 2 milhões em 2017