Metrô: governo rescinde contrato; obras até julho

Estado informou, ontem, ao consórcio responsável pela obra, a decisão oficial de realizar o distrato