Governo recua e desiste de tabela

Após a repercussão negativa, Ministério volta atrás e revoga a lista de preços mínimos e realiza reunião hoje