Eólica: País estará entre 5 maiores produtores

Expectativa é que o Brasil dobre sua capacidade de geração no período, passando de 10 GW para 20 GW