Egídio Serpa: Herança maldita é desafio