Egídio Serpa: há a certeza da incerteza