Sindicatos paralisam a Argentina em plena crise econômica

Participam da greve desta terça-feira (25) os trabalhadores dos transportes públicos, do tráfego aéreo, dos bancos e da administração pública, incluindo de escolas e hospitais