Justiça do Japão pede prisão de brasileiro que dirigia a Nissan

Nesta quinta-feira (22), o conselho administrativo decidiu pelo afastamento de Carlos Ghosn da presidência da empresa