Funcionários públicos relatam ameaças por não terem votado na Venezuela

São frequentes os relatos de pressão para que o funcionalismo, estimado em 2,3 milhões de pessoas, vote a favor do governo de Maduro