Ex-presidente da Nissan é acusado de novos crimes financeiros

O brasileiro Carlos Ghosn está preso em Tóquio desde 19 de novembro