Número de ambulâncias para atuação é reduzido

A quantidade de veículos disponibilizados para realizar os atendimentos leva em conta o índice demográfico das regiões, de acordo com o Ministério da Saúde. O cálculo, no entanto, gera discussões, uma vez que especialistas acreditam que ele deveria ser feito baseado no número de atendimentos