MPCE cobra agilidade na identificação de pacientes