Estrangeiros africanos encaram intolerância no Ceará

Sem um passado escravocrata, quem cruza o Atlântico para viver no Estado - pioneiro na Abolição - ainda vivencia constrangimentos realçados por olhares e palavras hostis