Comunicado: As reformas com o pé no freio