Timão na bronca com arbitragem