Arte Cearense

Pintura de Nailê Cidrão

Sem título

Nascida na terra dos índios Cariris, no Crato, banhada nas águas da Batateira, a artista plástica Nailê Cidrão tem como fulcro de sua expressão a exploração das formas e das cores de uma maneira singular, fazendo com que seus trabalhos sejam espetáculos de sensações

Sonetos de Francisco Ari de Andrade

O canto e o poeta

A poesia que o verbo traduz
É o canto d'alma do poeta
Sumo de letras que a luz reluz
O sulco da voz de profeta
Sai da força o pensamento
A voz seguida de desejos
Sangra no peito o sentimento
O semblante pulsa em lampejos
Raio de luz que a natureza guia
Clareia o sentimento em ironia
Emudece o peito como tal
Berro que ecoa do infinito
Brotando d'alma o alto grito
A embelezar à existência mortal

No espelho

Reflete diante de mim
Pelo tempo traços da vida
A cicatriz que o rosto velho
Anuncia o peso da era partida
Quem se vê diante da tela
O espelho cuja luz esmera
Que a imagem que percebo aquela
Que atiça no olhar a quimera
Escorre a sôfrega saudade
Do olhar a lágrima da idade
Na lembrança do passado frio
As rugas do tempo na face
Sulca na pele outrora enlace
Cerra a voz no silêncio vazio

A mão e o quadro de giz

A mão suave os dedos conduz
Na ponta um giz o quadro risca
No espaço vazio reluz
Palavras que o pensamento atiça
Leves dançam no espaço vazio
Retas palavras escritas a giz
A preencher no quadro nu e frio
Com a luz fugaz que a alma quis
No vale gris texto regaço
As letras dançam no espaço
As linhas num indo e vindo a preencher
Na pedra fixo sentimento
Pulsa real pensamento
Quimera que a natureza crer

A cor da idade

Na distancia reta entre a lua
E a terra vagueante no espaço
Pesa minha idade nua e crua
Trajeto da vida em regaço
Escorrem sob meus olhos o tempo
Os dias consumindo os anos
Num indo e vindo contrassenso
Reta fulguras desenganos
A noite isolada clara e fria
Tinge os cabelos a cor sombria
Beijos da luz que vem de cima
Luz que na escuridão me guia
Segue a vida com maestria
A contar c´a cor que me anima

Sobre o autor
Professor do mestrado e doutorado em Educação na UFC. Poeta e ensaísta