Diario do Nordeste - Notícias de Fortaleza, Ceará, Brasil e Mundo

101 REGISTRADOS

De todos os sabores

23.09.2005

Segundo a Associação Brasileira das Indústrias de Sorvete (ABIS) são 101 os sabores da iguaria registrados. Mas não há limites para a criatividade do sorveteiro cearense e sabores tradicionais como chocolate, morango e creme agora dividem espaço, em casas especializadas e restaurantes de Fortaleza, com sorvetes de tapioca, brownie, rapadura e até caipirinha. Resultado: quanto mais opções tem o consumidor, maior é a dúvida - tão doce quanto cruel.

Há mais de 30 anos no mercado, a sorveteria 50 Sabores foi uma das pioneiras nos sabores, digamos, pouco convencionais. Segundo o proprietário, Simão Vasconcelos as receitas são todas criadas pela mãe Neusa Vasconcelos, que passou a tomar conta do negócio, junto com o filho, após a morte do marido, Raimundo do Livramento, em 1988. “O primeiro sabor diferente quem criou foi ele”, lembra.

Ao todo, nas três lojas da rede são consumidos entre 480 e 666 quilos de sorvete por dia, dependendo da época do ano. O mais recente lançamento da sorveteria, o sabor caipirinha, liberado apenas para maiores de 18 anos, já ocupa seu lugar na lista dos mais vendidos, com a marca de 150 quilos por mês.

O campeão ainda é o de tapioca, mas os sabores crocante de queijo, Romeu & Julieta (goiabada com queijo) e qualquer coisa (coco, cajá, maracujá e biscoito) também têm clientela fiel, assim como os diet e light. “Estamos sempre pesquisando e trazendo novidades”, diz.

Muita pesquisa também fez Fábio Pires, criador da Barbaresco. Foi da Itália, onde morou, que ele trouxe as receitas dos sorvetes que serve. No País, ele chegou a trabalhar numa autêntica gelateria.

O segredo de um bom sorvete, explica Fábio, está na qualidade dos ingredientes. A cremosidade - única, diga-se - não vem de produtos químicos, mas do ovo, da manteiga e do creme de leite que são utilizados como emulsificantes naturais. “Na Europa, o sorvete é concebido como um alimento”, lembra o empresário.

A marca genuinamente cearense, que conta com sete lojas em Fortaleza, dentre as quais três franquias, já virou sinônimo de sorvetes finos e de sabores inconfundíveis.

O de brownie, criado por Fábio, certamente é o grande hit do lugar e ajudou a construir sua fama. Na lista de tentações geladas figuram ainda o spagnola, o fragola e o Nha Benta. Sem contar os de fruta, que não levam leite. A Barbaresco lançará em breve uma linha diet e light e outra de soja, para quem tem intolerância à lactose. É a tecnologia à serviço da gastronomia.

Conhecido pela qualidade da comida que serve, o restaurante Cantinho do Faustino também fez fama por causa dos sorvete exóticos que oferece. O de rapadura é a grande sensação, mas não ficam atrás os de manjericão e azeitona. As receitas são exclusivas e já conquistaram fãs até fora do Brasil.

Comente essa matéria


Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999