Internet

Sucesso on line

Thaynara OG credita sucesso a sua identidade regional. A influencer começou registrando seu dia a dia no Snapchat e ganhou o mundo

00:00 · 15.06.2018 por Fernanda Pereira Neves - Folhapress
Image-0-Artigo-2413928-1
Thaynara OG expande seus canais ao entrar para o time de youtubers ( Foto: Tatiana Soares para revista Com Estilo )

Foram cerca de seis meses até que Thaynara OG decidisse abrir sua conta do Snapchat para os não amigos. A partir daí não demorou muito para a maranhense de São Luís ser reconhecida nos corredores do cursinho que fazia para concorrer a uma disputada vaga na Defensoria Pública. "Batia aquela vergonha", recorda dois anos depois.

De lá pra cá, Thay só se espalhou. Foi do Snapchat para Facebook, Twitter, Instagram e Youtube -esse último com canal lançado no mês passado. Agora ela prepara um novo programa: "Um reality", afirma escondendo os detalhes. O canal, porém, disse que deve se chamar "Chef ao Pé do Ouvido" e começará a ser gravado em julho.

Com seu sotaque e bordões típicos, a jovem de 26 anos -que tem carinha de 15, como ela mesma diz- credita o sucesso a sua identidade regional e, mesmo com agendas e viagens constantes garante: Nem pensa em deixar São Luís.

"Mudar me deixaria murchinha, triste e afetaria diretamente o meu trabalho", afirma a maranhense.

"Hoje as pessoas que estão estourando no Nordeste permanecem em sua cidade porque o que faz você ser diferente, autêntico, é sua identidade regional. É o lugar de onde veio, o sotaque que carrega, as expressões que usa, a sua rotina naquele lugar. A partir do momento que você se muda perde um pouco disso". Thaynara dá vários exemplos para comprovar sua teoria: Carlinhos Maia, John Drops, Lucas Albert, Ney Lima. "Claro que aqui (São Paulo) tudo acontece, mas a gente tem que dar um jeito de adaptar. O que chama a atenção das pessoas é o conteúdo criado lá".

O principal bordão usado por Thay em seus inúmeros posts é justamente uma palavra típica maranhense. Kiu entrou inclusive no nome do programa que ela já tem no canal da GNT no YouTube, Minha Vida é Kiu. "Uma espécie de vaia que eu usava com minhas irmãs e minhas primas", explica ela.

Próximos passos

Após dois anos de redes sociais, programas de TV e campanhas publicitárias, a jovem de São Luís afirma que se descobriu e que a carreira de direito, que seguia antes da fama, está no passado -apesar de ainda pagar a anuidade da OAB. "O que gosto de fazer é isso, essa parte da comunicação, de criar, ter ideias".

E ela garante ser responsável pelas ideias que leva às redes sociais. "É tudo imediato, espontâneo. O YouTube sim precisa de uma dedicação maior, tenho ajuda de uma equipe, mas as Stories têm essa pegada de dia a dia, você pega o que acontece e deixa mais engraçado. Seguidores também dão muito gancho", diz.

Apenas no Instagram, a agora youtuber acumula mais de 2,7 milhões de seguidores, sendo a maior parte mulheres, com idades entre 18 e 24.

No YouTube, que é a última plataforma em que entrou, são mais de 420 mil subscritos. Além do novo programa, Thaynara também prepara a segunda edição do São João da Thay, que neste ano acontece em 28 de junho.

O evento, que deve reunir entre Alcione, Preta Gil, Pabllo Vittar, entre muitos outros, vai arrecadar verba para ampliar as salas de aula da Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) de São Luís.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.