COLUNA

Zunzunzum: sem motivo pra maldade

00:00 · 30.06.2018 por Fernanda Pereira Neves - Folhapress

Maldosa e narcisista, mas com uma pitada de humor. É com esses ingredientes que Rochelle, vivida por Giovanna Lancellotti, 25, desperta amor e ódio entre o público de "Segundo Sol". Na avaliação da atriz, as pessoas se identificam com a mimada. "É uma personagem atual, real. Faz as pessoas lembrarem de alguém", afirma.

Passado um mês desde o início da segunda fase da novela das nove, a blogueira de moda de caráter duvidoso acumula discussões, humilhações e armações. Mas diverte com o alto-astral e o sarcasmo que usa para lidar com as falcatruas da família e com a possibilidade de perder a fortuna que ama tanto.

"Eu estou amando fazer esse personagem, a Rochelle é um presentaço. Ela é maldosa, tem os absurdos dela, mas também é divertida, alto-astral. Ela se acha a mais bonita de todas, a mais interessante, é maravilhoso um personagem tão egocêntrico", afirmou a atriz.

Nascida em Ribeirão Preto, no interior paulista, Lancellotti já havia contado à reportagem sobre sua preparação para viver Rochelle, que incluiu, além do interesse por moda, a adoção do sotaque baiano. A pernambucana Camila Coutinho foi uma de suas inspirações, por abordar o assunto e pelo sotaque fora do "eixo paulista e carioca".

Com a trama já em andamento, a atriz se mostra dividida na hora de especular o futuro da personagem e diz que, apesar de torcer pela redenção da mimada herdeira da família Athaíde, o público deve pensar diferente. "Acho que ela é bem má. Ela é má por ser má, não tem um motivo. Eu torço pra ela se redimir e, quem sabe, ter um final feliz, mas acho que o público não vai torcer pra isso", afirma.

A todo vapor

Além da personagem em "Segundo Sol", Lacellotti tem cinco filmes para serem lançados ainda neste ano. O primeiro deles, "Tudo Por um Popstar", que é baseado no livro de Thalita Rebouças, deve chegar aos cinemas já no próximo mês. No elenco estarão também Mel Maia, Klara Castanho e Maisa Silva.

"É um filme jovem, em que eu faço uma prima da Maisa Maluquete. Ela é super alto-astral, riponga, que medita e faz mantras e que vai ajudar as meninas a conhecer a banda que elas gostam", adianta Lancellotti.

Outros quatro filmes, já rodados no ano passado, também serão lançados no segundo semestre de 2018. "Esse ano, graças a Deus está tudo amarradinho, certinho. Mas o pós-novela eu ainda não sei. Por enquanto, eu estou tranquila".

Tem mais...

Hailey Baldwin excluiu todas as fotos em que aparecia ao lado do cantor Shawn Mendes do Instagram
 
ZUNZUNZUM
 
 
100 
 
milhões de dólares. Esse é o valor pedido em indenização pela empresa que possui os direitos de Marvin Gaye para Ed Sheeran. De acordo com a empresa, o cantor teria plagiado a música “Let’s Get it On” e usado a mesma melodia e também o ritmo na canção “Thinking Out Loud”
 
“Nunca pensei que faria parte disso”, disse Kendrick Lamar sobre marco no Hip Hop ao ganhar um Pullitzer
 
ZUNZUNZUM

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.