Coluna

Zunzunzum — Pedro Bial: Vários lados de cada história

00:00 · 13.06.2018 por Adriana Del Ré - Estadão Conteúdo
Pedro Bial está no comando do "Conversa com Bial"

Programa 'Conversa Com Bial' se consolida com formato próprio e temas aprofundados com vários convidados

Quando Pedro Bial foi confirmado, em 2016, como o substituto de Jô Soares (que se despedia do Programa do Jô, na Globo), especulava-se o que o então novo dono do horário na emissora traria ao formato.

Jornalista com muitos anos de experiência, Bial havia deixado o Big Brother Brasil, que comandou por 16 edições, para assumir a nova empreitada. Ou seja, o entretenimento era um campo com o qual ele também estava familiarizado.

Em maio do ano passado, Conversa Com Bial estreou com Cármen Lúcia e Fernanda Torres no sofá dos convidados, e Bial visivelmente tateando seu tom como apresentador de talk-show. Estava ansioso, admite ele, ao jornal O Estado de S. Paulo.

Agora, mais de 200 edições depois daquela estreia (marca alcançada no último dia 21, com o best-seller Dan Brown), Pedro Bial tem hoje um dos melhores programas do gênero da TV brasileira.

A ideia de reunir vários convidados para debater um mesmo tema se consolidou na 2ª temporada, que atualmente está no ar. O que rendeu emocionantes programas, como os dedicados ao autismo e à adoção. Numa difícil 'escolha de Sofia', Bial cita alguns de seus programas eleitos, como com a compositora e escritora Rita Lee e com o do ex-presidente do Uruguai, Pepe Mujica, ambos da 1ª temporada, mas a nova safra de entrevistas parece estar mais pulsante em sua memória.

Acertos

Aliás, este ano é que Bial teve certeza de que ele e sua equipe acertaram, conta o apresentador. "Eu já estava bastante contente ano passado, principalmente no segundo semestre. Acho que a gente encontrou uma linguagem própria, mas o início deste ano me animou muito, porque a gente vem conseguindo uma média de qualidade muito alta, a meu ver - e eu sou bastante rigoroso com meu próprio trabalho. Então, a 2ª temporada veio reforçar um sentimento de satisfação que se insinuou no segundo semestre do ano passado".

Segunda temporada

E o que eles desejavam para esta 2ª temporada? Se aprofundar mais nos temas? "A gente gosta dos programas com temas, mas a gente sempre chega aos temas depois de ter encontrado um personagem que nos leve a ele", explica Bial.

Assim foi com Amanda Paschoal, autista e ativista da causa, que participou do programa sobre autismo ao lado da psiquiatra infantil Raquel del Monde e do jornalista Luiz Fernando Vianna, pai de um menino autista, e, na plateia, a jornalista Andrea Werner, também mãe de um autista. No final, Amanda cantou Máscara, sucesso de Pitty.

"Não concordo com aquela máxima do jornalismo que a gente sempre tem de ouvir o outro lado. Acho muito pouco, não tem só um outro lado, há centenas de lados. Não ter uma versão oficial da história, mas várias versões enriquece a democracia, aperfeiçoa nossas relações"

Ariana Grande respondeu fãs no Twitter e confirmou o noivado com Pete Davidson

260

Reais. Este é o valor do vestido escolhido por Kate Middleton para brincar com os filhos no parque no último domingo (10). A Duquesa de Cambridge optou por uma peça de uma marca de Fast Fashion. Kate já é conhecida por usar looks assim e até mesmo por repetir roupas

“Faço isso na música”, afirmou Lily Allen sobre ter uma dificuldade em demonstrar sentimentos

Cinema

Ryan Gosling será Neil Armstrong no filme “O Primeiro Homem”. O ator volta a trabalhar com Damien Chazelle dois anos após o sucesso do filme ‘La La Land’. O novo longa é baseado no livro de James R. Hansen e mostra a chegada de Armstrong à Lua

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.