coluna

Puxa o Fole — Zé Cantor: DVD para mudar

00:00 · 31.03.2018
Natural de Morada Nova, Zé Cantor segue para o 14º ano no comando da banda cearense Solteirões do Forró ( Foto: Kid Júnior )

A banda Solteirões do Forró está enraizada na cultura do ritmo no Ceará. Criada em 2005, teve diversas mudanças na formação, mas hoje está como iniciou os trabalhos: apenas com Zé Cantor no vocal. Ele é a essência do grupo.

Nesses 13 anos de trajetória, o Solteirões nunca gravou um DVD além de registros de imagens em shows ao vivo. Isso muda no próximo dia 11 de abril, quando será filmado trabalho no Coco Bambu Sul, em Fortaleza, em evento apenas para convidados.

Em conversa descontraída com o Puxa o Fole na redação do Diário do Nordeste, Zé Cantor destrincha o novo projeto.

"Nunca fizemos um DVD profissional como esse. É um novo momento. Após uma seleção de nomes, escolhemos os melhores compositores do Brasil", conta o artista, revelando que a produção será completamente formada por músicas inéditas.

"O local vai me permitir ficar mais próximo do público, diferente das casas de show com capacidade para cinco ou 10 mil pessoas nas quais estou acostumado a cantar. Isso vai ser interessante", avalia o cantor, prometendo, mesmo em locação de tamanho modesto, ares grandiosos. "Vai ter uma produção internacional. Vamos dar o melhor da gente". O som que será apresentado, segundo Zé Cantor, distingue do que o vocalista apresenta hoje nos palcos. Mas ele garante que "não vai fugir do estilo para cima", característica maior do forrozeiro.

As participações confirmadas até o momento são Xand Avião, Avine Vinny, Jonas Esticado e Mano Walter. Outros nomes estão sendo conversados, mas necessitam de encaixe na agenda dos artistas.

O DVD será trabalhado no YouTube, seguindo a tendência atual de mercado. O produto também será comercializado em formato físico, fruto de contrato assinado recentemente com uma gravadora.

Outra novidade é a possibilidade da banda seguir para a primeira turnê internacional. "Recebemos convites para fazer shows fora do País, mas precisamos alinhar".

Reposição de marca

O novo trabalho faz parte do projeto de valorização do nome "Zé Cantor" na banda, mas claro, sem abandonar o consagrado "Solteirões". A reposição de marca é tendência na música, vide Wesley Safadão e, mais recentemente, Xand Avião.

"Essa mudança é boa para o artista. É um segmento que os outros estão entrando. Valoriza mais nosso trabalho", analisa Zé. O cantor, inclusive, iniciou a mudança e, 2015, com grande alteração no visual.

"A mulher adorou a mudança. O corte no cabelo já deu uma mudança, usei cabelos longos por um bom tempo. Depois comecei a fazer academia e fazer exercícios, aí o resultado apareceu. E está muito bom", avalia, sem modéstia.

Volta à raiz

Com a saída de Walkyria Santos do Solteirões do Forró, no Réveillon de 2017, a banda pôde retornar para o estilo original: o forró agitado. Para além do crescimento pessoal, o cantor enxerga evolução na marca da banda ao falar sobre a passagem da competente cantora.

"A vinda de Walkyria foi uma inovação. Ela é uma artista consagrada, fez muito sucesso com a Magníficos. Sim, deu uma mudada no nosso estilo, já que ela tem pegada romântica, mas, apesar de algumas pessoas estranharem no início, essa junção deu certo. A gente casou. Nossos shows eram bons. Conseguimos atingir estados que não tínhamos tanta força. Ela nos ajudou também nesse sentido".

Hoje, nos shows, além do repertório novo, Zé Cantor passeia por sucessos antigos. As músicas foram escolhidas pelo público, por meio de redes sociais, e integram o chamado "Baú do Solteirões". "Antes a gente já cantava as antigas, mas não era uma seleção formalizada", diz.

Aviões

O "X" da questão

Image-0-Artigo-2381313-1

Xand Avião completou 36 anos no último sábado (24) (Foto: Reinaldo Jorge)

O potiguar Xand completou, neste mês de março, um ano no comando da banda Aviões do Forró sem Solange Almeida. Desde a despedida da companheira, que aconteceu em Luís Correia, no Piauí, o cantor afirma ter evoluído da "forma mais positiva possível".

Em conversa com o Puxa o Fole por telefone, Xand conta que, com a mudança, voltou a "meter a cara no trabalho". O artista passou a frequentar mais o estúdio de música e retomou os trabalhos de composição. Ele é o autor de "Inquilina", a qual define como a música mais cantada nos shows.

"O primeiro ano da nova fase foi excelente. Conseguimos emplacar seis hits nacionalmente. O Brasil inteiro conhece nosso trabalho", pontua.

Na banda, ele não é "só" o vocalista. Xand afirma fazer de tudo no Aviões, inclusive a produção. "Faço tudo que você imaginar. Estou 100% ligado".

O forrozeiro segue trabalhando o DVD gravado em Brasília, em 2017, o "Xand Xperience", que contou com participações de Kell Smith e Thiaguinho. O produto chegou às lojas em janeiro deste ano. A intenção é, nos próximos meses, concentrar shows no Sul e Sudeste do País para fortalecer o trabalho nessas regiões. Xand se apresenta atualmente com a nova turnê "Faz o X".

Feat com Safadão

Em primeira mão ao Puxa o Fole, Xand revelou parceria em música inédita com Wesley Safadão. Os artistas gravarão a canção "Eu e a torcida do Brasil", que também ganhará clipe. A informação foi adiantada no Blog Puxa o Fole, uma extensão da coluna.

Com composição de Renno Poeta , Jr. Gomes, Vine Show, Vinicius Poeta e Benicio, a letra é um forró romântico que conta a história de um homem apaixonado que torce pela reconciliação com o amor da vida.

Questionado se o novo trabalho será lançado até o mês de junho, período das festas de São João e da Copa do Mundo, o cantor não confirmou. "Talvez, vamos ver".

O último feat dos forrozeiros em clipe foi no ano de 2014. Na ocasião, os artistas fizeram dueto em "Vou Pagar Pra Ver", em estúdio. Na época, Wesley ainda tinha cabelos grandes e Xand um físico bem diferente do que apresenta atualmente.

Aniversário

Além da parceria, o artista está de olho no aniversário de 16 anos da banda, que será comemorado mais uma vez em Fortaleza, cidade sede do grupo.

"Já estamos pensando na festa. Ano passado foi algo que movimentou milhares de pessoas no Castelão", comenta. O cantor garantiu que a festa deste ano continuará no projeto Fantasy, mas que trará um tema diferente para o evento.

Ano passado, a produtora A3 afirma que 40 mil pessoas estiveram presentes no show de aniversário.

Justiça versada

Image-0-Artigo-2381284-1

Na Bahia, o juiz Teomar Almeida, da Vara Criminal de Senhor do Bonfim, publicou uma sentença em poema para decidir o destino de uma sanfona que era disputada por dois músicos na justiça. Veja trecho: "Nilvado o direito é seu, como fiel depositário/Visto o seu opositor não ter provado o contrário/Até que se finde a contenda/Delegado me atenda".

Tierry e Mano Walter juntos

Image-1-Artigo-2381284-1

O cantor Tierry, fera nas composições, lança música nova em abril, mês em que comemora o aniversário de 28 anos. A canção é intitulada "É amor que fala, né" e é fruto de uma parceria com Mano Walter. O lançamento está previsto para o próximo dia 13.

Batida do rap com zabumba

Uma parceria entre a banda de forró paulista Zaíra e o rapper Rapadura deu origem a canção "Nóis no Mesmo Busão", que traz uma mistura de rap com forró. A letra tem mensagem pensada nas minorias, fala de superação; de autoaceitação e recusa do sistema imposto.

Agito garantido no interior

Henrique e Juliano, Gabriel Diniz, Joel Tomaz e os DJs Flavinho e Abadia se apresentam no Ceará neste Sábado de Aleluia (31). O show acontece no Castelo Club, na cidade de Ubajara. A dupla sertaneja, atração de destaque da noite, apresenta a turnê "O Céu Explica Tudo".

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.