coluna

Puxa o Fole: por amor e necessidade

00:00 · 18.08.2018
Retorno de cantores deve movimentar o mercado de shows pelo Brasil. Forrozeiros e sertanejos já atuavam em escala menor nos Estados de origem com antigos sucessos das carreiras
Gian e Giovani chegaram se separar por conta de uma dívida financeira, além de uma luta corporal entre eles
Paulinha Abelha e Silvânia Aquino chegaram a forma uma dupla de forró ao sair da banda Calcinha Preta

A alta do forró e sertanejo despertou o desejo de retorno de nomes consagrados dos dois gênero musicais. Mesmo em um mercado competitivo, eles acreditam ter espaço com antigos sucessos

O atual cenário musical parece ter animado alguns nomes do forró e do sertanejo que andavam longe dos holofotes. Rick e Renner e os irmãos Gian & Giovani, duas duplas que haviam se separado, anunciaram o retorno aos palcos para agosto deste ano. Para a alegria dos forrozeiros, as cantoras Paulinha Abelha e Silvânia Aquino voltaram aos vocais da Banda Calcinha Preta. Ângela Espíndola, Jhonny Cortez e Simara Pires, que foram do Limão com Mel, se uniram em projeto pensado para o período junino, mas que segue com agenda em agosto. O desejo de retornar aos palcos e questões financeiras foram os motores deles.

Em um vídeo nas redes sociais, a dupla Rick e Renner, que estava separada desde 2015, anunciou a novidade. "Respondendo à pergunta de todos vocês: nós estamos de volta e vamos seguir em frente. A partir de hoje, vocês vão ter Rick e Renner, ao vivo, direto aí nas redes sociais", afirmou Rick. Agora, a dupla iniciam a turnê "Seguir em frente". O retorno era algo esperando pelos fãs, já que em junho, o ex-parceiro de Renner, declarou em um vídeo que a dupla estava de volta. Na época, a notícia não foi confirmada pela assessoria da dupla e os cantores mantiveram o segredo.

A primeira separação de Rick e Renner aconteceu em 2010. A dupla retomou as atividades dois anos depois. Em janeiro de 2015, Rick revelou a segunda separação de Renner que, dias antes, havia sido detido por dirigir embriagado. Após o término da dupla, Rick iniciou uma parceria com o cantor Giovani, que havia se separado de seu irmão Gian.

No Instagram, Rick postou uma foto com Renner e escreveu: "Em nome da música". Renner tem postado várias imagens da dupla, incluindo imagens em estúdio e um vídeo em agradecimento aos fãs. "Agradecendo a todos os fãs que sempre acreditaram em nossa volta. Obrigado Brasil", declarou o cantor.

Família

Em março deste ano, Gian e Giovani anunciaram que iriam retomar a famosa dupla a partir de agosto de 2018. Quatro anos foi o que durou a separação dos sertanejos. Eles iniciaram na música em 1988, na cidade paulista de Franca. Até então tida como definitiva, a separação deles tinha sido anunciada em outubro de 2014. Os irmãos estavam se desentendendo e preferiram escolher pelo fim da união nos palcos e nos estúdios.

Em 26 anos de trajetória na música, eles somaram 16 álbuns, entre discos de estúdio e registros ao vivo. O último trabalho, intitulado por "Joia Rara", foi lançado em 2012.

"Muito feliz por estar voltando aos palcos com meu irmão Giovani, que Deus nos guarde e nós conserve sempre unidos, estarei cumprindo a agenda de shows com o meu também irmão Duany já agendados", publicou Gian nas redes sociais. "É com o coração cheio de amor, alegria e gratidão e emocionado que comunico a vocês que a Sunshine e Gian e Giovani retomando uma parceria de sucesso", comemorou o sertanejo Giovani.

Forró

A situação foi semelhante no forró. Depois do retorno de Daniel Dial para a banda Calcinha Preta, foi anunciado, em julho deste ano, na conta oficial da banda no instagram, a volta das vocalistas Silvânia Aquino e Paulinha Abelha, que também fizeram história do grupo no início dos anos 2000. Na próxima quarta-feira (22), a Calcinha Preta se apresenta em um shopping de Salvador. O show é para divulgar à volta das cantoras. A apresentação será aberta ao público, mas limitado à capacidade do espaço.

Elas retornam para a banda depois de dois anos. Paulinha chegou à cantar ao lado do seu ex-marido, Marlus. Silvânia, Paulinha e Daniel Dial formaram, em 2016, a banda Gigantes do Brasil. O projeto durou pouco mais de um ano. Após o fim da banda, Silvânia e Paulinha cantaram juntas em shows pelo Brasil. O retorno já era bastante esperado pelos fãs.

Ângela Espíndola, Jhonny Cortez e Simara Pires resolveram voltar aos palcos juntos para realizar um projeto no período de São João. O sucesso foi tanto que continuam realizando apresentações. Neste mês, o grupo que leva no repertório canções da banda Limão com Mel, tem uma agenda de oito shows. "Liguei para Simara para fazer o São João. Era um projeto para os fãs. Ângela também estava com o projeto dela. O pessoal começou a marcar nas redes sociais. Elas viram aquele movimento. Depois de junho, a gente havia pensando que ia parar. Só que tomou uma proporção que não esperávamos. Voltamos não só por amor, mas por necessidade", explicou Jhonny Cortez Cortez ao Puxa o Fole.

Sobre o retorno de nomes consagrados nos dois gêneros musicais, Ângela Espindola diz ter orgulho de olhar para trás e ver o que a geração dela fez pela música. "Eu fico muito feliz do retorno de tanta gente boa. A música brasileira estava precisando de cantores como esses. São mais de 20 anos de história".

Mais...

De volta para AudioMix

Image-0-Artigo-2441308-1

Quatro anos após romper o contrato com a AudioMix, o cantor Gusttavo Lima anunciou seu retorno à empresa de gerenciamento artístico. Em 2014 ele rescindiu contrato, o que fez com que o artista pagasse uma multa milionária. A empresa goiana realiza no dia 8 de dezembro, o evento VIlla Mix Fortaleza. Resta saber se o cantor fará parte da programação.

Em Barretos

Image-1-Artigo-2441308-1

Depois da estreia no Fortal 2018, Jonas Esticado se apresentou pela primeira vez no maior rodeio da América Latina, a festa do Peão de Barretos. O cearense se apresentou na sexta-feira (16). Natural do Juazeiro do Norte, o forrozeiro concorre no prêmio Multishow que acontece em setembro.

Surpresa

Quem acompanha a dupla Henrique e Juliano nas redes sociais foi pego de surpresa com dois vídeos publicados esta semana. Eles se apresentam como Ricely e Edson, nomes de batismo, na fazenda onde moram e gravaram o quinto DVD da carreira. No YouTube, foi ao ar "Quem Pegou, Pegou".

Novo clipe

Com direção de Rafa Costakent, Paula Mattos gravou o clipe de "Nosso Cupido foi Deus". A produção foi gravada em três estados: Pernambuco, Ceará e Minas Gerais. A música foi composta por Renno Poeta, Jujuba, Hiago Nobre e Kinho. "Posso dizer que chegou como um presente", diz Paula.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.