MAIS VITAMINAS

Rotina saudável para hidratar o organismo

00:00 · 27.01.2018
Vitamina de morango
As frutas podem ser consumidas a qualquer hora do dia, mas o aconselhável é que a ingestão ocorra no café da manhã e no almoço

Tanto o consumo de frutas quanto o do suco fornecem vitaminas, minerais e fibras. Os sucos têm a vantagem de acelerar o metabolismo e são ótimas fontes de energia antes do treino. Eles podem melhorar o desempenho físico, auxiliar no controle da temperatura corporal, no processo digestivo e no funcionamento dos rins, mantendo a pele saudável e hidratada.

O ideal é usar uma porção da fruta e diluir o suco com um pouco de água. Outro cuidado importante, segundo Dr. Elcio, é não coar a bebida, para manter a quantidade de fibras, lembrando que, ao tirar a casca e triturar a fibra se perde muito do potencial da fruta.

> Alimentação com frutas regionais: o coração agradece

Além disso, deve-se evitar o acréscimo de açúcar, pois já contém frutose (açúcar da fruta), motivo pelo qual o consumo precisa ser feito com moderação, não excedendo a três copos ao dia nem substituí-lo pela ingestão de água.

Não existe um horário específico para o consumo de frutas, mas é preferível comê-las no café da manhã e no almoço. A banana, por exemplo, é rica em fibras, facilitando assim o processo de digestão e evitando a azia após o almoço. Porém, se consumida à noite, pode prejudicar o sistema digestivo e causar muco nas fezes.

Outra fruta que contribui na digestão é a maçã, que tem em sua casca a pectina, uma substância responsável por reduzir a absorção de açúcar pelo organismo, além de ser rica em fibras e promover um bom funcionamento do intestino. A maçã, entretanto, deve ser evitada no jantar, pois ela aumenta a produção de ácido no estômago, podendo causar desconforto.

Sobre os efeitos do suco de uva e do vinho no organismo, o cardiologista explica: "as substâncias protetoras nessas bebidas são os flavonoides e o resveratrol, que são vasodilatadoras e reduzem o risco de sangramentos e hemorragias. Essas substâncias têm características antioxidantes e favorecem o fluxo de sangue no corpo". Mas o médico adverte que o vinho só é saudável quando bebido em quantidade apropriada, e não se trata de qualquer vinho, deve ser o tinto.

Rotina saudável

Paralelo a boas práticas alimentares, a nutricionista Benedita Jales Souza recomenda suspender o uso de drogas como o cigarro e a bebida alcoólica (exceto vinho tinto, quando ingerido com moderação). Deve-se ainda evitar frituras, alimentos ricos em sódio, gorduras saturadas e trans.

Benedita orienta a aumentar o consumo de alimentos in natura como frutas, verduras, legumes, cereais integrais e oleaginosas (nozes, castanhas e amendoim), bem como a substituição da carne vermelha por peixe ou frango sem pele, assim como manteiga e margarina por azeite de oliva.

Para pacientes que já passaram por procedimentos do coração, a nutricionista aconselha que o mesmo seja acompanhado por uma equipe multiprofissional para obter sucesso da terapia. Quanto à dieta, esclarece que deve ser hipossódica (baixo teor de sódio), hipolipídica (baixo teor de gorduras), dando preferência para os alimentos naturais.

"É importante monitorar os níveis de colesterol sanguíneo. Além disso, alguns medicamentos apresentam interação com alimentos, portanto é necessário o acompanhamento nutricional", completa.

Ingestão de frutas, sucos e prática de atividades físicas ajudam o coração a bombear sangue com mais facilidade

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.