Alerta

Quedas dentro e fora do lar são subestimadas por idosos e familiares, diz especialista

Minimizar os riscos de acidentes é a melhor opção

15:00 · 02.03.2018
queda do idoso
Segundo ortopedista, o ideal é minimizar os riscos de acidentes com adaptações nas casas,como pisos antiderrapantes ( Foto: Divulgação )

As quedas em acidentes domésticos ou nas calçadas continuam subestimadas pelos idosos e seus familiares, afirma Francisco Vieira de Oliveira, médico ortopedista. “Cirurgias para correção de fraturas têm risco agravado, por exemplo, por doenças cardíacas e outras enfermidades crônicas”, explica Oliveira.

O ideal é minimizar os riscos de acidentes. “As casas devem ser adaptadas para pessoas mais maduras, com pisos antiderrapantes; barras de segurança nos banheiros, cozinha e área de serviço; retirada de tapetes; camas não muito altas; poltronas e cadeiras com braços para apoio”, sugere o especialista, que também é presidente da Unimed Campina Grande.

Além disso, observa, o próprio idoso deve se conscientizar das limitações impostas pela idade ou doenças crônicas, usar calçados confortáveis e seguros, evitar movimentos bruscos e não subir em escadas nem cadeiras. Também deve ficar longe de pisos molhados e ser acompanhado, sempre que possível, em seus deslocamentos fora de casa, pois as calçadas e ruas no país frequentemente são esburacadas, com desníveis e obstáculos de todos os tipos.

Pessoas que caminham, leem ou enviam mensagens pelo celular também ameaçam a integridade dos idosos. “É cada vez mais comum que jovens e adultos esbarrem nos transeuntes por estar de olho nas mensagens das redes sociais ou em vídeos”, adverte Oliveira.

Aumento

Atualmente existem no Brasil aproximadamente 15 milhões de idosos e, segundo projeções estatísticas, em 2025 existirão 32 milhões de pessoas com 60 anos ou mais, ocupando, assim, o país o sexto lugar com o maior número de idosos do mundo.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.