praia

Guarda-sol: proteção solar insuficiente

A sombra do guarda-sol não garante proteção, pois a luz é refletida na areia. Além disso, o Infrared (infravermelho ou IV) é sentido por meio do calor ou mormaço
00:00 · 03.02.2018

O estudo "Sun Protection by Umbrellas and Walls", publicado em outubro de 2017, na revista Photochemical & Photobiological Sciences, comprova que o guarda-sol é insuficiente para proteger a pele dos raios solares.

Entre os achados da pesquisa, a dermatologista Dra. Claudia Marçal ressalta a falsa sensação de proteção que o banhista sente quando está descansando à sombra do guarda-sol. "Isso dá às pessoas uma sensação de proteção que leva a uma exposição excessiva à radiação ultravioleta nociva", afirma a médica.

De acordo com os pesquisadores, a quantidade de proteção FPS que o indivíduo deve receber após se refugiar sob um grande guarda-sol é de, no melhor dos casos, FPS 7. Já a Sociedade Brasileira de Dermatologia orienta pelo menos FPS 30.

"Quando falamos em envelhecimento fotoadquirido, estamos falando da formação precoce de rugas, manchas, mudança na textura da pele, angiogênese, formação de novos vasos, atrofia com uma epiderme pergaminácea e flacidez, que tem grande relação com o UVA e o InfraRed", destaca a dermatologista.

Outra preocupação para quem não usa o filtro solar adequado é que, durante as estações mais quentes, existe uma queda do sistema imunológico da pele, já que a hiperexposição à radiação solar gera uma menor efetividade das células de Langerhans, os anticorpos da pele. "Tudo isso favorece o dano celular que pode desencadear um processo de cancerização", dz a especialista.

No estudo, vários fatores com relação à cobertura do guarda-sol foram avaliados: "O tamanho, propriedades de transmissão UV, tempo, localização, posição das pessoas sob o guarda-sol, sua orientação, os ângulos de proteção entre outros", revela a Dra. Claudia Marçal.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.