coluna

Top.com: Ultrassom microfocado

Top.com

ZILDA QUEIROZ - rozilda.queiroz@diariodonordeste.com.br • Coluna escrita por Zilda Queiroz

00:00 · 21.10.2017

Para a dermatologista Dra. Shirlei Borelli, o conteúdo das células adiposas, compostas sobretudo por triglicerídeos, pode ser eliminado com o ultrassom microfocado. O aparelho realiza a emissão de energia em pequenos pontos e age destruindo seletivamente as células de gordura de forma precisa e não invasiva. Conforme a dermatologista "durante a aplicação do método, o paciente não sente dores, apenas uma pequena vibração", complementa a Dra. Shirlei Borelli.

Mau hálito

Image-0-Artigo-2312394-1

De acordo com o cirurgião-dentista Dr. Hugo Lewgoy, é importante realizar diariamente a higienização da língua e a remoção da saburra com uma escova própria para a limpeza. "O instrumento deve ter cerdas mais firmes do que as das escovas dentais para desalojar a saburra lingual", esclarece o especialista.

Pés e mãos

Image-3-Artigo-2312394-1

A cirurgia plástica na região dos pés e das mãos é indicada para pessoas com perda de tecido conjuntivo ou alta flacidez, além do envelhecimento da pele. "Dependendo do caso, pode ser retirado o excesso de pele ou realizado um preenchimento com enxerto de gordura", diz o cirurgião plástico Dr. Arnaldo Korn.

Vitamina C I

De acordo com a farmacêutica Mika Yamaguchi, com o aumento de radicais livres, o sistema antioxidante do organismo humano, responsável pelo combate dessas moléculas, não é suficiente. "Porém, é possível controlar a ação desses radicais com compostos antioxidantes como o SuperOx C".

Vitamina C II

O ativo extraído da ameixa de Kakadu é um fruto originário da Austrália e rico em vitamina C. Ele contém uma concentração 100 vezes superior à da laranja. E, ainda, grande quantidade de vitaminas A e E. "A substância ativa a permeação de vitamina C com ação antioxidante que dá luminosidade à pele", afirma Mika Yamaguchi.

Informações básicas

Image-1-Artigo-2312394-1

O uso de protetor solar é importante para crianças e adultos, mas é fundamental que os pais e responsáveis observem a indicação adequada. Os profissionais de dermatologia recomendam a aplicação de protetor solar a partir dos 6 meses de idade. "Antes disso, orientamos usar apenas roupas, chapéu e outras formas de proteção física. Evite a exposição solar após as 10h e antes das 16 horas", aconselha a dermatologista Dra. Lívia Pino.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.