coluna

Top.com: tratamento estético

Top.com

ZILDA QUEIROZ - rozilda.queiroz@diariodonordeste.com.br • Coluna escrita por Zilda Queiroz

00:00 · 25.08.2018

Image-1-Artigo-2442518-1

Segundo o Dr. J Bussade, precursor da estética ortomolecular no Brasil, a capacidade de avaliação e conexão entre a saúde e a beleza, faz com que o tratamento ortomolecular seja uma aposta na área da estética. A ideia possibilita diagnosticar os desequilíbrios do paciente e a realização da terapia apropriada por meio do equilíbrio corporal. "A investigação, além de refletir na saúde total do paciente, potencializa os resultados nos tratamentos estéticos", aponta Bussade. Já a professora Michelle Sanz, fisioterapeuta dermatofuncional, diz que a avaliação faz com que a estética ortomolecular seja mais certeira. Isso porque cada pessoa possui um tipo de deficiência de minerais, vitaminas e aminoácidos. "Os exames laboratoriais e sintomas podem identificar o que está gerando a disfunção estética".

Alimentação

Para a dermatologista Dra. Thaís Pepe, os nutrientes da alimentação balanceada são necessários para deixar a pele e o corpo bonitos. "Isso ocorre nos casos de rejuvenescimento, acne, redução de gordura, flacidez e celulite. Por isso, a necessidade de consumir legumes, frutas e verduras, após os procedimentos".

Pós-treino

A massagem resgata fibras musculares, elimina resíduos metabólicos por meio da drenagem sanguínea e linfática. Conforme o especialista em educação física e massagista, Gerson Carvalho, o método acelera a regeneração e favorece a nutrição celular. Por isso, indico para qualquer pessoa que pratique atividade física".

Pele madura I

A partir dos 40 anos, o organismo das mulheres passa por alterações. Para a dermatologista Dra. Valéria Marcondes, "as modificações refletem na perda do volume e contorno facial, flacidez e rugas ficam evidentes, a textura da pele muda e começam a aparecer os danos cumulativos causados pelo sol".

Pele madura II

Segundo a Dra. Valéria, o processo de envelhecimento da pele vem acompanhado da diminuição do metabolismo, o acúmulo de gorduras em certas áreas do corpo, o que pode alterar a autoestima das mulheres. "Além disso, as alterações hormonais e os danos solares levam à queda e ao embranquecimento do cabelo", completa a médica.

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.