Coluna

Top.com: "A união fortalece"

Top.com

ZILDA QUEIROZ - rozilda.queiroz@diariodonordeste.com.br • Coluna escrita por Zilda Queiroz

00:00 · 15.10.2016

Em prol do Outubro Rosa, a clínica de estética Mulher Cheirosa está recebendo, durante o mês de outubro, lençóis brancos, fraldas geriátricas e cabelos. As madeixas serão destinadas à confecção de perucas e doadas as pacientes que lutam contra o câncer. A campanha "Unidas somos mais fortes", realizada há quatro anos, beneficiará as instituições: Lar Amigos de Jesus e a Associação Amigos do CRIO, que atendem crianças e adultos com câncer. As doadoras terão descontos especiais em alguns serviços.

Exercícios

Segundo o cardiologista e especialista em medicina do esporte Marcelo Leitão, "praticantes de atividade física têm maior propensão a desenvolver fibroses e aumento do tamanho no coração, podendo culminar na perda da função". Por outro lado, pesquisas apontam que a expectativa de vida dos atletas é superior à de pessoas sedentárias.

Fruta da época

A nectarina, muito presente em outubro, é rica em vitamina A, C e complexo B, além dos sais minerais como cálcio, potássio e fósforo. Os antioxidantes existentes na fruta ajudam a melhorar o mecanismo de defesa do organismo. Segundo a nutricionista Larissa Santana, "a nectarina age contra a obesidade e previne o câncer".

Poderosas I

Sucesso no ano anterior, o Instituto do Câncer do Ceará (ICC) e o Instituto Avon realizam o II Passeio Rosa. Segundo o superintendente clínico do ICC, Dr. Reginaldo Costa, o desafio da campanha é conscientizar a população sobre a prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama, "o tipo que mais mata mulheres no Brasil", alerta.

Poderosas II

Conforme a organização, o evento acontece próximo dia 23 de outubro, às 7 horas da manhã, na Avenida Beira Mar. O percurso terá largada no Aterro da Praia de Iracema, com chegada na Praça dos Estressados. O evento contará com trio elétrico e a animação do grupo Unidos das Cachorras, Di Ferreira e Super Banda. O circuito também pode ser feito de bicicleta.

Hábitos saudáveis 

De acordo com o médico Luiz Fernando Sella, especialista em medicina de estilo de vida, o intervalo de pelo menos cinco horas entre uma refeição e outra permite o adequado descanso do sistema digestivo e a preparação do corpo para receber uma nova alimentação. O Dr. Sella esclarece que alimentos ricos em fibras mantêm a saciedade por mais tempo e, por isso, não é necessário obedecer intervalos de três horas, entre uma refeição e outra. "Não existem pesquisas que comprovem que comer de três em três horas é melhor para a saúde ou que favoreça o emagrecimento".

Últimos Artigos

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.