projeto contexto

Violência contra a mulher em discussão

A cidade de Crateús é uma das que receberá nesta etapa as formações do projeto ( Foto: Kid Júnior )
00:00 · 23.02.2018

Iguatu. Até o próximo dia 13 de março, pelo menos 20 municípios do sertão cearense vão receber formações do projeto "Contexto" que aborda tema de enfrentamento à violência contra a mulher, questão de educação, gênero e emancipação. O novo ciclo de oficinas é realizado em 126 escolas públicas do Interior do Estado que fazem parte do programa. A iniciativa, co-financiada pela União Europeia, tem como realizadora a Plataforma Marco Zero composta por várias organizações nacionais e internacionais.

No período de 6 de fevereiro passado a 15 deste mês, as ações ocorreram em Quiterianópolis, Tamboril e Nova Russas. Os demais municípios que participam do projeto são: Nova Russas, Ararendá, Boa Viagem, Crateús, Deputado Irapuan Pinheiro, Ipueiras, Madalena, Milhã, Mombaça, Novo Oriente, Pedra Branca, Piquet Carneiro, Poranga, Quixeramobim, Senador Pompeu, Solonópole e Tauá.

O projeto pretende esclarecer os aspectos da afirmação de identidade no contexto do semiárido bem como os dispositivos da Lei Maria da Penha no enfrentamento à violência contra a mulher As formações são voltadas para os educadores que poderão esclarecer suas dúvidas e conhecer sobre todo o amparo conquistado através da Lei Maria da Penha, no âmbito jurídico, social e psicológico às mulheres em situação de violência doméstica.

Será trabalhada a temática sobre a 'Identidade do Semiárido', na perspectiva de ressaltar e valorizar as particularidades de cada região.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.