Rodovia Padre Cícero já está com 45% prontos - Regional - Diário do Nordeste

INFRAESTRUTURA

Rodovia Padre Cícero já está com 45% prontos

30.09.2010

Quando estiver pronta, em 2011, a Rodovia Padre Cícero reduzirá em 90km a viagem de Fortaleza até a região do Cariri

Juazeiro do Norte. Cerca de 45% da Rodovia Padre Cícero já estão concluídos. O término da obra está previsto para o próximo ano. As obras que envolvem o trecho mais longo, de Solonópole a Orós, foram iniciadas recentemente. São mais de 60 quilômetros de estrada que ficarão prontos, segundo previsão do Departamento de Edificações e Rodovias (DER), em dezembro de 2011. O trecho do Cariri, a BR-230, já está com mais de 50% da obra concluída e com pavimentação. São mais de 46 quilômetros de estrada, boa parte já pavimentada. A rodovia passou a ser chamada de Padre Cícero, porque irá reduzir o percurso entre a região do Cariri e a Capital do Estado em até 90 quilômetros.

Segundo o gerente de Células de Obras Rodoviárias do DER, Francisco Quirino Rodrigues, todas as obras que estão sendo realizadas se encontram dentro do prazo previsto de construção. No Cariri, segundo o gerente do DER, 10º Distrito, Luiz Salviano de Matos, o trecho que envolve um trabalho maior relacionado à infraestrutura, como a construção de pontes, já foi praticamente concluído. Esta etapa da rodovia tem 540 dias para ser executada. São mais de 360 dias de serviços e a previsão de ser entregue é apenas em 15 de março.

A BR-230 liga os municípios do Cariri de Lavras da Mangabeira passando por Caririaçu, uma obra há muitos anos reivindicada pela população local, principalmente para escoar a produção agrícola de alguns municípios da região. Neste trecho estão sendo investidos R$ 38 milhões. A parte asfaltada até o momento, conforme o engenheiro fiscal do DER, Francisco Adailton Leite, tem cerca de 18 quilômetros e vai do entroncamento da BR até Quitaiús. Mas existem outras infraestruturas adiantadas, com serviços de terraplenagem.

O engenheiro afirma que esses primeiros trechos da BR-230 se situavam numa área de barreiras e foram construídas seis pontes na área. A construção dessa rodovia conta com mão-de-obra de 340 homens, segundo o engenheiro. Outro trecho que irá fazer parte da rodovia, que terá em torno de 440 quilômetros, fica entre Cedro e Lavras da Mangabeira, num percurso de 25 quilômetros. Essa área já foi restaurada.

O gerente do DER, Luiz Salviano, destaca a importância dessas áreas, principalmente no contexto do desenvolvimento dos municípios. Em Lavras da Mangabeira, por exemplo, havia uma reivindicação antiga para a melhoria das condições das estradas, principalmente em período de inverno. Alguns trechos ficavam praticamente interditados. "Acredito que um dos setores que será beneficiado é o da piscicultura. Será uma boa oportunidade de desenvolvimento", acrescenta ele. Depois de 20 anos de reivindicações, a rodovia foi iniciada pelo Município de Caririaçu, em outubro do ano passado. O trecho da obra que passa pelo Cariri também irá beneficiar, diretamente, as cidades de Aurora e Granjeiro.

Oportunidade

Para o prefeito de Caririaçu, Edmilson Leite, a obra em sua cidade é sinônimo de desenvolvimento para uma região que antes "vivia encostada". Ele afirma que será uma oportunidade de desenvolvimento do comércio e o surgimento de novos empregos, além de favorecer a construção de pousadas na cidade para receber os turistas.

O Município de Caririaçu tem uma das programações religiosas mais prestigiadas da região, a Festa de São Pedro, dentro do calendário dos festejos juninos do Cariri.

Outro ponto importante, de acordo com Edmilson Leite, será o escoamento da produtividade agrícola, melhorando o comércio de hortaliças e o mercado da pesca, já que na cidade produtores investem em criadouros, além do milho, leite, entre outros produtos. Ele classifica a estrada como a principal obra da região, depois do Hospital Regional do Cariri. Diferentes segmentos das cidades por onde a rodovia passará aguardam com expectativa a conclusão da via, que promete melhorar o transporte na região.

Conclusão

"Os trechos que envolvem maior aporte de infraestrutura nas obras da BR-230 já foram feitos"
Francisco Adailton Leite
Engenheiro fiscal do DER

MAIS INFORMAÇÕES
Departamento de Edificações e Rodovias (DER) - 10º Distrito Operacional, Crato, Rua Rodolfo Teófilo, 10 - Centro, (88) 3102.1224

ELIZÂNGELA SANTOS
Repórter

Comente essa matéria


Editora Verdes Mares Ltda.

Praça da Imprensa, S/N. Bairro: Dionísio Torres

Fone: (85) 3266.9999