MODA em DESTAQUE

Mundo fashion conquista espaço no Interior

Desde 2010, um grupo de lojistas promove evento, atraindo grande público, inclusive das cidades vizinhas

00:00 · 17.06.2017 por Alex Pimentel - Colaborador
Image-0-Artigo-2256613-1
Desfiles, como o do Dragão Fashion Brasil, já destacam talentos do Sertão ( Foto: Fernando Lessa )

Piquet Carneiro. O glamour das passarelas não é mais um privilégio apenas dos grandes centros comerciais, das metrópoles como Fortaleza e São Paulo, referências no mundo da moda. A cada ano esse segmento se fortalece no Interior do Ceará. Um exemplo dessas mudanças é o Piquet Fashion Night (PFN), realizado neste Município do Sertão Central, com pouco mais de 15 mil habitantes. Desde 2010 um grupo de lojistas desta cidade promove o evento de moda, atraindo um excelente público, inclusive das cidades vizinhas.

LEIA MAIS 

Curso de Design abre perspectivas de valorização

De Quixeramobim para as passarelas

O PFN é realizado no início de junho, na casa de shows Bumerang. Ocorre na véspera da festa do padroeiro da cidade, Sagrado Coração de Jesus, e da Semana do Município. Atraídos pela elegância dos modelos e a produção do desfile, similar aos realizados na capital, os expectadores vão às lojas, à procura das tendências exibidas, tanto de vestuários como de acessórios. Os lojistas não revelam números nem valores, mas confirmam o crescimento nas vendas em pelo menos 20%.

Comercialização

No domingo, após o desfile do Piquet Fashion Night, as lojas de moda da cidade abrem para atender a clientela. A procura é grande, principalmente pelos modelos apresentados na passarela.

Esse planejamento começa no início do ano, quando as lojas integrantes do PFN começam a se preparar para mais uma edição, como o processo de escolha das coleções que serão apresentadas na passarela. Ele ocorre com bastante antecedência, pois a maioria dos produtos vem de outras regiões do País.

"Hoje, oferecemos moda com qualidade e preços competitivos. Nossos clientes já podem encontrar as ultimas tendências da moda com marcas conhecidas nacionalmente, sem precisar sair de Piquet Carneiro", explica Katya Soraya Mendes. Há 20 anos ela ingressou no ramo, com a "Katya Variedades".

"Dezenas de marcas compõem os desfiles, com roupas, calçados e acessórios, tudo escolhido com muita atenção para agradar os vários tipos de públicos. Nesta sétima edição, apresentamos também moda plus size e um desfile exclusivo de óculos e acessórios, fruto de mais uma parceria, com a Ótica Estylo. O desfile despertou também o interesse de outras empresas privadas a se tornarem parceiras do nosso projeto. A Prefeitura e a Secretaria de Cultura sempre ajudam o evento" acrescentou Emanoel Nascimento.

Neste ano, o PFN superou as expectativas. O sucesso foi comemorado pelos seus realizadores, Emanoel Nascimento, Katya Soraya, Kelly Mendes, Ionara Damasceno e Mônica Gomes, proprietários de boutiques e lojas do gênero na cidade. A satisfação da promoção social, por se tratar de um desfile beneficente, o qual mobilizou a mídia e a sociedade da região para problemas como a autoestima e a oportunidade para os jovens, foi ainda maior. Daí o trinômio "Moda, Entretenimento e Beneficência", transformando a moda em um instrumento de inclusão, acrescentaram os organizadores.

Ação beneficente

Esse objetivo começou a se tornar realidade em 2008, no pensamento de trazer a Piquet Carneiro um evento diferente, surgindo a ideia de um desfile de moda. Todavia, a meta não seria proporcionar um entretenimento, principalmente para o público feminino, nem tão pouco aumentar as vendas. As lojas Star Fashion, Moda Atual, Kelly Fashion e Katya Variedades se uniram nesse propósito e também de beneficiar famílias carentes do Município. Ficou decidido: a portaria do evento arrecadaria alimentos não perecíveis a serem doados aos mais necessitados. Todos os anos mais de uma tonelada é arrecadada.

A atual prima-dama e secretária de Ação Social de Piquet Carneiro, Tamara Bezerra, e a secretária municipal de Educação e Cultura, Neyla Vitoriano, elogiam a iniciativa. Apesar de auxiliarem oficialmente o desfile de moda pela primeira vez, já participaram de outras edições como expectadoras. Não há na cidade quem resista em assistir as apresentações, principalmente das crianças, na passarela. O momento se torna muito familiar, como a participação dos pais, irmãos, tios e amigos. O PFN se tornou uma referência regional.

Tamara Bezerra acrescentou que, além da distribuição de parte dos alimentos arrecadados para famílias cadastradas na Secretaria de Ação Social, neste ano, as doações serão dividias com a Pastoral da Criança. "A gente sente muito orgulho de participar. Minhas filhas já desfilaram. Podemos ser uma pequena cidade, mas ajudamos a realizar um evento grandioso", completou.

Envolvimento

Praticamente toda a cidade acaba se envolvendo. Até o padre colabora. As cadeiras da paróquia são emprestadas para acomodarem o público. Como os resultados da primeira edição foram positivos, , o evento foi realizado nos anos seguintes 2009, 2010 e 2011. Todavia, por falta de recursos, por não contarem com apoio institucional, exceto do Município e de alguns patrocinadores, o desfile não foi realizado nos três anos seguintes, 2012, 2013 e 2014. O custo médio das despesas com a realização do evento varia de R$ 20 mil a R$ 25 mil.

Em 2015, o desejo de realizar novamente o desfile se tornou ainda maior. Foi quando o grupo de lojistas se reuniu para planejar a realização da quinta edição do então maior desfile de moda beneficente da região. Para celebrar o retorno do Piquet Fashion Night, foi convidada uma quinta loja para o time. O evento voltou repaginado, com uma nova estrutura. As lojas também passaram a ter uma melhor referência, investindo em coleções para todos os públicos, acrescentou Mônica Gomes. Ela é proprietária da Atrativa Moda. Abriu sua loja há nove anos e há três participa do PFN.

Aproximadamente 50 modelos, todos voluntários, a maioria de Piquet Carneiro, já participaram. Os profissionais e modelos com mais experiência não cobram cachê, mas a organização do desfile custeia o transporte, a alimentação e a hospedagem de quem vem de outras cidades. Além de destacar as lojas o desfile é uma vitrine de novos talentos. A maioria do casting de modelos é composta por crianças e jovens de Piquet Carneiro. "Temos também a participação de alguns modelos das cidades vizinhas. Todos participam de forma voluntária.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.