Crato

Moradores reclamam da falta de saneamento

00:49 · 17.08.2012
Comunidade reclama da precariedade dos serviços de infraestrutura e exige providências urgentes

Crato A população residente no Bairro Parque Recreio e Parque Granjeiro está reclamando da atual falta de infraestrutura nas localidades. Os problemas apontados são muitos e vão desde o saneamento básico inexistente aos serviços de calçamento e iluminação precários.

Ruas do Bairro Parque Recreio estão sem infraestrutura adequada FOTO: YAÇANÃ NEPONUCENA

Nas ruas, moradores convivem com esgotos à céu aberto, as crianças brincam em meio à sujeira. Diante do incômodo provocado pelo mau cheiro vindo da lama, alguns proprietários de imóveis já realizaram, mesmo que irregularmente, a encanação dos esgotos em frente às casas.

No Parque Recreio, durante à noite, a escuridão limita as atividades cotidianas, ocasionando, frequentemente, ocorrências como pequenos furtos, arrombamentos residenciais e a pontos comerciais. Após ter enviado ofícios solicitando os serviços e alegando pagar impostos para desfrutar dos benefícios, revoltada com todas as dificuldades, a comunidade está organizando uma manifestação para cobrar ações de melhorias.

Segundo a Secretaria de Infraestrutura, o Município está desenvolvendo um projeto de saneamento básico e abastecimento de água, rede coletora de esgotos e drenagem, além da construção de estações de tratamento para toda a sede da cidade. A conclusão dos estudos está prevista para o fim do mês de outubro. A previsão orçamentária ainda não foi calculada, mas apenas no projeto estão sendo investidos R$500 mil para a alocação dos recursos de execução. Porém, ainda não há data para o início das obras, que deverão ser realizadas pelo Estado, por meio da Secretaria das Cidades, em parceria com Governo Federal.

Quanto à pavimentação, no início deste ano, a Prefeitura adquiriu uma ordem de R$7 milhões destinados à pavimentação em pedra tosca para a sede e distritos do Município. O Bairro Parque Recreio teve sete ruas contempladas, a Alves Ribeiro, Ancelmo T. de Carvalho, João Pereira Luna, Mãe Rainha, Nossa Senhora dos Podres, Padre Xavier e Ramiro Monteiro. Destas, em três os trabalhos já foram concluídos. Até agora, a administração municipal creditou aproximadamente R$350 mil em recursos enviados pelo Ministério do Turismo. Mas ainda há ruas que não receberam o benefício.

Esgoto

Na cidade, não existe uma estação de tratamento de esgoto. Hoje, as águas servidas são desaguadas, principalmente, no Canal do Rio Granjeiro e no Rio Batateiras. A proposta do projeto é, além de coletar os esgotos das residências, tratá-los adequadamente e lançá-los em um emissário. A meta é construir várias estações de tratamento que deem cobertura a toda a cidade. Segundo o secretário José Muniz de Alencar, o Município não tem condições financeiras de solucionar os problemas da falta de saneamento básico.

Quanto à iluminação urbana, a Secretaria de Infraestrutura argumentou que em toda a cidade há cobertura da rede pública e que vai enviar uma equipe ao Bairro Recreio para verificar qual é o problema.

Mais informações:

Secretaria de Infraestrutura
Endereço: Rua 7 de Setembro
Bairro: São Miguel Centro Administrativo
Telefone: (88) 3586.8000

YAÇANÃ NEPONUCENA
COLABORADORA

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.