quadra invernosa

Funceme prevê mais chuvas em todas as regiões do Ceará

00:00 · 22.02.2018 por Honório Barbosa - Colaborador

Iguatu. A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou entre as 7 horas dessa terça-feira (20) e 7 horas dessa quarta-feira (21) chuva em 96 municípios. A maior precipitação foi observadas em Iracema (98mm. As precipitações se mantêm no sertão trazendo alegria e renovando a esperança do sertanejo em um bom inverno.

Para hoje e amanhã, a Funceme prevê tempo com nebulosidade variável e possibilidade de chuva em todas as regiões do Ceará. A Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), uma extensa massa de nuvens é o principal sistema indutor de precipitações no Ceará durante a quadra invernosa (fevereiro a maio) continua próxima à Costa do Estado.

Este deve ser o fevereiro mais chuvoso dos últimos 11 anos, ou seja, deste 2007. Até ontem a Funceme registrava em média 161.1mm. A média para o período é de 118.6mm. Faltando sete dias para o mês terminar e mediante as previsões de mais chuva, fevereiro atual deve superar já nas próximas horas o observado em 2011, que foi de 169.6mm.

No campo, os agricultores estão animados, preparando a terra para o plantio das tradicionais culturas de sequeiro (aquelas que dependem exclusivamente da chuva) - feijão, milho, sorgo e arroz. "Eu nunca perdi a esperança e sempre acreditei que teríamos um bom inverno", disse o agricultor, Pedro Bezerra, da localidade de Barro Alto, zona rural de Iguatu. "Plantei dois hectares de milho e feijão e espero ter uma boa safra".

O nível das águas no Rio Salgado subiu para 50cm no entorno da cidade de Lavras da Mangabeira, encobrindo a passagem molhada que é um dos acessos ao centro urbano. A preocupação dos moradores é com a risco de inundação das áreas mais baixas. "Já tem gente de olho na cheia do rio, com medo do nível subir e chegar às casas", disse o radialista, Nilton Oliveira.

Continuidade

O Rio Salgado é o principal afluente do Rio Jaguaribe que leva água para o Açude Castanhão, o maior do Ceará. Por isso, é importante a ocorrência e continuidade de chuvas intensas no Cariri. O Rio Jaguaribe, em Aiuaba e Saboeiro, também registra cheia. Anteontem, a barragem de Caldeirões transbordou. Foi o primeiro açude monitorado pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) a sangrar neste ano.

Segundo a Cogerh, foram registrados aportes em 63 açudes, destacando-se Angicos, Aracoiaba, Arneiroz II, Caxitoré, Frios, General Sampaio, Jaburu I, Orós e Pentecoste. O reservatório São José III deixou o volume morto.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.