cultura nordestina

Crato funda centro de apoio ao reisado e tradições populares

00:00 · 07.01.2014
Iniciativa pretende a manutenção de atividades artísticas e culturais voltadas para o município

Crato. Crianças a partir de 4 anos de idade já podem ser matriculadas para participar de oficinas de reisado, maneiro pau, lapinhas, bandas cabaçais, dentre outras atividades que fazem parte da cultura popular nordestina, no Centro de Formação e Apoio ao Reisado e Tradições Populares Mestre Aldenir, inaugurado neste município, através da Secretaria Municipal de Cultura.

Tradições da cultura popular nordestina , como banda cabaçal, reisado e lapinhas, dentre outros, serão mantidas através da criação de novos mestres no Centro de formação FOTO: ROBERTO CRISPIM

A unidade funcionará na Vila Padre Cícero, região do Distrito de Bela Vista, distante 14 quilômetros da sede do município. Todas as oficinas acontecerão numa casa alugada pela prefeitura municipal, recém-modificada, onde, inclusive, um palco para pequenas apresentações foi construído.

Favorecimento

Ainda para favorecer o melhor funcionamento do serviço cultural, há também há um ambiente para reuniões, que consiste numa sala que servirá como escritório, área para alimentação e banheiros recém-reformados.

Nesta semana ainda não haverá aulas na unidade. Até a próxima sexta-feira, técnicos da Secretaria de Cultura do município estarão reunidos com lideranças comunitárias da região onde a escola foi construída para discutir sobre qual será o papel da própria comunidade na manutenção da escola e na forma como o trabalho de fomentação cultural será produzido no local. Coordenadores de outras secretarias do município também participarão destas reuniões.

O ensinamento sobre as diferentes formas da cultura popular terá inicio a partir da próxima segunda-feira, quando a unidade estará realmente aberta ao recebimento dos alunos matriculados. Quem ainda não realizou a matricula poderá fazer até o fim desta semana na própria escola ou, ainda, na sede da Secretaria de Cultura do município. É necessário apresentação da certidão de nascimento da criança, duas fotos 3x4, bem como fotocópias dos documentos pessoais dos pais ou responsáveis pelas crianças.

Objetivo

O projeto tem como finalidade a manutenção das atividades artísticas, através da permanência de jovens em suas comunidades de origem, diminuindo, a partir daí, o êxodo que resulta na falta de pessoas capacitadas a dar continuidade à difusão das diferentes formas da cultura popular.

"O Centro de Formação Mestre Aldenir possuí uma finalidade muito importante que é, justamente, a de preservar as tradições culturais do nosso povo", avalia a Secretária de Cultura do município, Dani de Jade. Segundo ela, todas as crianças matriculadas na unidade terão acesso a aulas de dança, figurino, oralidade e música. "O objetivo é capacitar, ao máximo, todos os jovens que demonstrem interesse em qualquer uma das atividades artísticas existentes no município", afirma.

O local escolhido para funcionamento da unidade, segundo a secretária, abriga a maioria dos grupos que ainda atuam em atividades da cultura popular nordestina em Crato. Antigamente, o município chegou a verificar a existência de cerca de 50 grupos culturais. Hoje, pelos cálculos do órgão municipal, restaram apenas 15 grupos.

"Por isso é que o Centro é tão importante. Para que não percamos a condição de produzir arte popular e passemos, sobretudo, a valorizar todas as formas de atividade cultural existentes não só no município, mas também em toda a região", frisa Dani de Jade.

Além das práticas culturais que serão desenvolvidas, o Centro de Formação também atuará na orientação das crianças e demais membros da sociedade, através de parceria com outros órgãos da administração municipal, nas questões relativas a saúde, meio ambiente, agricultura e educação. "A ideia é mesclar o trabalho realizado na manutenção das atividades culturais com ações que possam gerar benefícios a toda a comunidade", explica a secretária.

Homenagem

O Centro de Formação e Apoio ao Reisado e Tradições Populares Mestre Aldenir será dirigido pelo artista que dá nome ao local. José Aldenir Aguiar, ou simplesmente Mestre Aldenir como prefere ser chamado, tem 80 anos de idade. Destes, 50 dedicados na atividade do reisado. "È uma das alegrias da minha vida" comenta com sorriso no rosto. Maior expressão do reisado na região, ele recebeu inúmeros prêmios e, em diversas ocasiões, representou o Cariri em eventos oficiais realizados no Estado e fora dele.

O título de Mestre da Cultura Popular do Estado do Ceará lhe foi concedido em 2004. No ano seguinte, representou a cultura cearense desfilando no Carnaval carioca pela escola de samba Mangueira. "Agora com essa escola a gente vai ter a oportunidade de formar outros mestres, de dividir a alegria que a cultura nos oferece", avalia.

A inauguração da unidade contou com a presença de diversos grupos culturais do município. As apresentações tiveram início em Praças do centro da cidade. Depois, em cortejo, os grupos seguiram para a Vila Padre Cícero onde a escola foi oficialmente aberta. Houve apresentação da banda cabaçal dos irmãos Aniceto, além da dança do maneiro pau e grupos de reisados convidados.

Mais informações:

Reisado Mestre Aldenir
Rua Santa Izabel, 45
Vila Padre Cícero
Telefones: (88) 3512.7242
Crato

ROBERTO CRISPIM
COLABORADOR

Evento reúne em Sobral grupos de bois e reis da zona norte do Estado

Sobral. Aos sons da sanfona, zambumba, triângulo e palmas, os sobralenses se despediram das festividades natalinas e deram inicio ao X Encontro de Bois e Reisados de Sobral, que aconteceu na noite do Dia de Reis, última segunda-feira, na Boulevard do Arco. Nesse ano, mais de 30 bois estarão se apresentando por toda a cidade até dia 31 deste mês.

O Boulevard do Arco, na área central de Sobral, foi palco da abertura do Projeto de Encontro de Bois e Reisados, marcando o início de uma das mais esperadas festas populares da Região, que atrai grande número de pessoas FOTO: JÉSSYCA RODRIGUES

Mais uma vez, o Boulevard do Arco foi palco da abertura do Projeto de Encontro de Bois e Reisados, marcando o início de uma das mais esperadas festas populares da Região, que todos os anos atrai grande número de pessoas. A abertura do Projeto foi feita com apresentação do "Boi Paz no Mundo", do Bairro Alto da Expectativa.

Mais conhecido como Boi ou Bumba Meu Boi em Sobral, essa manifestação cultural é considerada uma das mais tradicionais da cidade e segue o calendário nacional como um dos folguedos mais respeitados do Brasil. Além das programações dentro da sede, espalhada pelos bairros, há ainda programação especial nos distritos. O folguedo, tipicamente natalino, é narrado em uma fazenda, com a história do boi como personagem principal; sua vida, morte e ressurreição, sendo uma manifestação cultural com diversos elementos cênicos como dança, circo, teatro e música. O evento conta com o apoio de diversos colaboradores, como os artistas locais, associações comunitárias e escolas, e as apresentações serão realizadas em praças públicas, colégios e anfiteatros, toda programação será gratuita a fim de estimular o incentivo à cultura tradicional local.

De acordo com a Secretaria de Cultura, uma programação geral está sendo preparada com base nos resultados divulgados junto com o lançamento do Encontro. Contemplados pelo Edital da Secretaria de Cultura, serão 30 grupos se apresentando nos bairros e distritos de Sobral. Mas a expectativa é de que outros Bois que não estiveram inscritos também incrementem a programação da cidade proporcionando alegria, revivendo a identidade cultural do povo e resgatando suas origens.

O projeto será encerrado na noite do dia 31 de janeiro com a apresentação de todos os grupos, quando o Boulevard do Arco se transformará em um grande tablado especialmente projetado para esse momento de alegria e descontração.

Jéssyca Rodrigues
Colaboradora

Mais informações:

Avenida Dom José Tupinambá da Frota, 881
- Centro
Sobral
Telefone: (88) 3611-2712

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.