SÃO FRANCISCO das Chagas

32ª Moto Romaria espera ter 30 mil participantes

A peregrinação motorizada sobre duas rodas, de 117Km, é considerada a maior do Brasil

00:00 · 15.09.2018 por Alex Pimentel - Colaborador
Image-0-Artigo-2452974-1
Enquanto o comboio segue pela BR-020, grupos de Caucaia, Maranguape, Paramoti e de Caridade, às margens da rodovia, passam a acompanhar ( Foto: Everton Flix )

Canindé. Quando o dia amanhecer, neste domingo, aproximadamente 20Km da BR-020, no trajeto de Fortaleza a Canindé, estarão cobertos por mais de 30 mil devotos de São Francisco das Chagas. Eles seguem nas suas motocicletas, da capital cearense até a Basílica de São Francisco das Chagas, na 32ª Moto Romaria da Fé. No percurso de mais de duas horas, a rodovia federal se transforma em uma via de mão única até o templo franciscano, a 117Km do ponto de partida. A peregrinação motorizada, sobre duas rodas, é considerada a maior do Brasil.

O ritual religioso foi idealizado pelo engenheiro mecânico Edson Peixoto Maia. Segundo ele, todo ano, tudo é cuidadosamente planejado e organizado para garantir a segurança do cortejo gigante de motocicletas. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) preparou o plano de controle do trajeto, de Fortaleza a Canindé. Também disponibilizará batedores motorizados. Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros estarão de prontidão. As prefeituras de Caucaia, Maranguape, Caridade e Canindé vão disponibilizar ambulâncias nos principais pontos. Reboques estarão à disposição para atender eventuais necessidades.

Na medida em que o comboio for seguindo pela BR-020, mais grupos, de Caucaia, Maranguape, Paramoti e de Caridade, às margens da rodovia, passam a acompanhar. O Esquadrão Elite 299, os Voadores do Asfalto, Auto Giro, mais de 20 clubes de motoqueiros se unem ao comboio, mas além das suas máquinas potentes, algumas com até 1.600 cilindradas, a turma das "cinquentinhas" também acompanha a Moto Romaria.

A novidade neste ano ficará por conta do local de bênção dos motociclistas, dos seus acompanhantes e capacetes. Retornará à Basílica de São Francisco, no Centro de Canindé. Há sete anos, a Paróquia havia mudado o local para a Praça dos Romeiros, em razão do grande número de motos. Todavia, neste ano, como estão sendo realizadas várias obras nas vias públicas, o acesso ao ponto de encontro ficou inviável. A alternativa foi discutida com a prefeita Rozário Ximenes e com a secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Socorro Bastos.

De acordo com o idealizador e organizador, a estimativa de participantes é baseada em cálculos da PRF. A cada quilometro são de 1.200 a 1.500 motos, incluindo as duas faixas de tráfego. Como a extensão chega a 20Km, somam 30 mil motos. Mas há os que preferem seguir na frente. Não têm experiência em pilotar em grupo. Há ainda um grande número que segue a viagem acompanhado, aumentando o número de moto-romeiros, tudo em um único dia. "De imaginar que tudo começou com quatro amigos. É algo muito forte. Fé não se explica", diz.

Após as preces e a bênção do frei Marconi Lins, pároco e reitor do Santuário de São Francisco das Chagas, eles começam a se dispersar. Alguns grupos visitam a Casa dos Milagres e a estátua do Santo. Retornam para casa protegidos, sem risco de acidentes, respeitadas as regras de trânsito.

No decorrer dos anos a romaria sobre duas rodas se transformou também em ação de caridade. Boa parte dos participantes compra blusas do evento. O dinheiro arrecadado é destinado a uma instituição filantrópica.

A partir deste ano será a Casa Lar de Idosos Sagrada Família. O abrigo receberá alimentos. Outras necessidades, como reformas, manutenção e até eletrodomésticos para melhor conforto dos hospedes serão providenciados com as doações financeiras. Par isso, vendem camisetas. As de manga curta custam R$ 15,00 e as de manga longa, R$ 20,00.

Origem

Essa história começou em 1984, quando Maia sofreu um acidente de trânsito, em Fortaleza. Durante a recuperação, fez promessa a São Francisco, de realizar anualmente o percurso, de motocicleta, para agradecer pela cura. Iniciada de maneira tímida, acompanhado de sete amigos, a romaria hoje atrai dezenas de milhares de motociclistas de várias cidades. Assim como ele, a maioria dos romeiros comparece ao evento para pagar promessa pela recuperação de acidentes de trânsito.

Mais informações:

32ª Moto Romaria Fortaleza - Canindé - Saída: dia 16 - 8h
Colégio da Polícia Militar
Av. Mister Hull
Telefones: (85) 9 9981-2675 / (85) 3045-3088

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.