Eleições 2018

TRE-CE encerra biometria obrigatória em 9 municípios no próximo dia 28

Em Caucaia, segundo maior eleitorado do Estado, 77,31% já fizeram a biometria

20:26 · 20.02.2018 / atualizado às 20:43
tce
A meta do TRE-CE é recadastrar cerca de 75% do eleitorado do Estado até 9 de maio de 2018 e atingir 100% em 2020 ( Divulgação )
O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará alerta os eleitores de 9 municípios para que compareçam aos respectivos cartórios eleitorais e evitem o cancelamento do título eleitoral. São eles:
 
- Caucaia, 
- Cedro,
- Aracoiaba,
- Mauriti,
- Lavras da Mangabeira,
- Paracuru,
- Pedra Branca,
- Madalena
- Boa Viagem 
 
O alerta deve-se ao encerramento da biometria obrigatória, que acontece no próximo dia 28 de fevereiro (quarta-feira).
 
Em Caucaia, segundo maior eleitorado do Estado, já fizeram a biometria 177.497 dos 229.594 eleitores (77,31%) do município, índice considerado muito bom pelo TRE-CE. 
Apesar disso, mais de 50 mil eleitores podem ficar sem o título e depois terão que comparecer ao cartório eleitoral para regularizar a situação junto à Justiça Eleitoral.
 
Data limite
 
Para aqueles que perderem o prazo da biometria - não só nos 9 municípios que encerrarão o recadastramento no próximo dia 28 de fevereiro, mas em todos os 67 municípios que realizaram a biometria obrigatória, no ciclo 2017-2018 - a data limite para a regularização do título é o dia 9 de maio de 2018, quando o Cadastro de Eleitores é fechado para a realização das eleições deste ano, de acordo com o calendário estabelecido pelo TSE.
 
A meta do TRE-CE é recadastrar cerca de 75% do eleitorado do Estado até 9 de maio de 2018 e atingir 100% em 2020.
 
Documentação
 
Os eleitores precisam dos seguintes documentos para tirar o título e realizar a coleta dos dados biométricos:
 
- RG ou qualquer outro documento oficial com foto;
- Comprovante de residência;
- Alistamento militar para os homens que forem fazer o título pela primeira vez
 
Mais informações sobre a biometria, basta ligar 148 ou acessar a página do tribunal.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.