Conselheiro

Ernesto vai aguardar votação no pleno da AL

01:00 · 15.11.2017

Ernesto Saboia, indicado para a vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), foi sabatinado ontem pela Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa, e agora aguardará a decisão do plenário para que o governador Camilo Santana possa assinar o ato de sua nomeação para ocupar a vaga de conselheiro aberta com a aposentadoria do conselheiro Teodorico Menezes.

Ernesto é conselheiro em disponibilidade no Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), extinto no mês de agosto. As restrições feitas anteriormente ao seu nome não foram demonstradas no momento da sabatina, na tarde de ontem. Ao contrário, todos os deputados fizeram questão de elogiá-lo. A maioria sequer fez qualquer pergunta.

Capitão Wagner (PR), o quarto a inquirir o conselheiro, foi quem ainda fez alguns questionamentos sobre questões ligadas à sua própria indicação para o cargo, quando seis outros conselheiros também estão em disponibilidade; questionou sobre as liberações de recursos do Estado para as Organizações Sociais, e ainda sobre a sua relação de parentesco com os conselheiros Alexandre Figueiredo e Patrícia Saboia, ambos do TCE.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.