dobradinhas

Deputados firmam pacto para a troca de votação

São as mais diversas as alianças em formação para a conquista de votos conjunto entre o estadual e o federal

Deputada Fernanda Pessoa fará dobradinha, em vários municípios do Estado com o seu pai Roberto Pessoa ( Foto: José Leomar )
01:00 · 13.04.2018

Passado o período da chamada "janela partidária", e com os deputados devidamente acomodados em suas legendas, o passo seguinte é intensificar a atuação nas bases eleitorais. Assim, em busca de apoios para suas campanhas, os parlamentares estaduais estão efetuando as parcerias com postulantes ao cargo de deputado federal, através de "dobradinhas".

Muitos dos deputados estaduais já têm o nome de parceiros para a Câmara Federal. O caso que mais chama atenção acontece no Município de Quixadá, onde a pré-candidata a deputada federal Rachel Marques pedirá votos para Osmar Baquit (PDT), candidato à reeleição. Os dois, até o pleito de 2014, eram ferrenhos adversários.

Questionado sobre a situação de estranhamento que esta aliança poderia causar junto ao eleitorado, Baquit afirmou que a população não faz mais menção sobre desavenças passadas entre eles. Além de Baquit, Marques deve contar ainda com os apoios de Acrísio Sena, Dedé Teixeira, Moisés Braz e Elmano de Freitas em outros municípios.

Agora filiada ao PSDB, a deputada Fernanda Pessoa também tentará reeleição e contará com o apoio do pai, o vice-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, em uma "dobradinha" que ela diz ter sido a melhor possível. Até então sondado para a disputa majoritária, Capitão Wagner (PROS) também deve disputar uma das 22 cadeiras na Câmara Federal, e a pretensão dele é estar ao lado do vereador de Fortaleza, Soldado Noélio (PROS), pré-candidato ao Legislativo Estadual no pleito deste ano.

Após se filiar ao Solidariedade (SD), o deputado Heitor Férrer, que nos últimos anos passou pelo PDT e PSB, afirmou que estará apoiando a candidatura do deputado Genecias Noronha (SD) à reeleição. Noronha também deve fazer "dobradinha" com a esposa, a deputada estadual Aderlânia Noronha.

Abrangente

O deputado Roberto Mesquita (PROS) disse ao Diário do Nordeste que a função parlamentar impões ao político se deslocar em muitos colégios em busca de apoios, o que implica em participação no dia a dia das pessoas. O parlamentar, que pedirá votos para o pré-candidato a deputado federal Vaidon (PROS) tem boa votação na Capital.

Vice-presidente do Poder Legislativo, o deputado Tin Gomes (PDT) afirmou que pretende intensificar sua participação em diversos municípios do Estado ao lado dos candidatos a deputado federal, Gorete Pereira, Mauro Filho e Antônio José. Sérgio Aguiar, do PDT, disse que terá "dobradinha" com o deputado federal Leônidas Cristino (PDT) na Região Norte, e com Robério Monteiro em outras localidades.

O emedebista Leonardo Araújo apoiará Moses Rodrigues (MDB) em alguns municípios e Gorete Pereira em outros. Apesar de muitos já terem decidido com quem irão fazer "dobradinha", há aqueles que ainda estão dialogando com os postulantes ao cargo de deputado federal, e não tem ainda um norte sobre como atuarão durante o pleito eleitoral que se avizinha.

Como Tin Gomes relatou, quase todos os deputados estaduais, assim como os federais, farão a dobradinha com mais de um candidato, principalmente em razão da distribuição dos colégios eleitorais. A exceção dos parlamentares que são votados na Região Metropolitana de Fortaleza, quase todos os demais candidatos buscam votos na maioria dos municípios do Estado.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.