promessas

Deputado cobra obras anunciadas por Camilo

01:00 · 28.06.2018

O deputado Heitor Férrer (SD) cobrou, da tribuna da Assembleia Legislativa, ontem, promessas feitas pelo governador Camilo Santana (PT), na campanha de 2014, que ainda não teriam sido cumpridas pelo chefe do Executivo Estadual. Ele citou, principalmente, o prometido para a área da Saúde. Parlamentares aliados, contestando, atribuíram ao Governo Federal a culpa pelo atraso de algumas obras.

Heitor citou a abertura de seis policlínicas em Fortaleza, a construção de Unidades de Pronto Atendimento (UPA) em todas as cidades do Estado com mais de 50 mil habitantes, além da proposta de inaugurar um hospital na Região Metropolitana de Fortaleza e outro no Vale do Jaguaribe. "Cadê esses hospitais regionais? Tem, pelo menos, um primeiro tijolo?", questionou.

O deputado Sérgio Aguiar (PDT), no entanto, defendeu o esforço do Governo do Estado em investir na área da Saúde. "No Litoral Norte, as UPAs têm funcionado, adequadamente, dentro daquele compromisso estabelecido pelo governador, e tenho visto isso em muitos outros atendimentos realizados em policlínicas, tendo em vista consultas especializadas e exames especializados. São 21 (UPAs) que têm procurado produzir isso, então, a nível de saúde, o governador está tentando fazer de tudo para ajudar a sociedade", disse.

Férrer lembrou, ainda, de outras propostas feitas na campanha de 2014 pelo então candidato Camilo Santana, como a realização de parceria com a iniciativa privada para oferecer estágio profissional remunerado aos alunos do último semestre das faculdades estaduais.

O deputado Manoel Santana (PT), em seu discurso, destacou que mil obras estão em andamento no Estado e que o atraso na conclusão de parte delas é culpa do Governo "golpista" do presidente Michel Temer (MDB). Principalmente, segundo ele, após a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional que congelou os gastos públicos pelos próximos 20 anos.

"A derrubada do governo Dilma teve influência direta em muitos dos projetos que estavam em andamento no nosso Estado", enfatizou o petista.

© Todos os direitos reservados. O conteúdo não pode ser publicado, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Passível ação judicial.